Cardio da Vida
Procurar
Close this search box.
Procurar
Close this search box.

VACINA DA GRIPE NA DOENÇA CARDIOVASCULAR

José Ferreira Santos
Cardiologista

vacina da gripe tenho problemas cardiacos

“Tenho problemas cardíacos! Devo ou não fazer a vacina da gripe?”

Esta é uma questão que muitas pessoas fazem na consulta com o seu médico assistente.

• As dúvidas sobre os benefícios da vacinação e os receios de que esta possa trazer complicações cardiovasculares são frequentes.

• No entanto, a vacinação contra a gripe pode fazer a diferença entre ter ou não ter um evento grave e potencialmente fatal!

O QUE SABEMOS SOBRE A GRIPE?

A gripe, tecnicamente designada de influenza, é uma infeção provocada pelo vírus influenza tipo A e tipo B. Os sintomas mais habituais são febre, cansaço, dores no corpo, tosse, dor de garganta e corrimento nasal. Os sintomas podem iniciar-se de forma súbita e, dependendo das pessoas, têm uma intensidade e duração variável.  

Na maioria dos casos, a gripe é uma doença autolimitada e com uma evolução benigna. No entanto, em alguns casos, particularmente nas pessoas com doença crónica, nos idosos e nas grávidas, o desfecho pode ser fatal.

Estima-se que em todo o mundo morrem mais de meio milhão de pessoas por ano devido à gripe e, por isso, todas as medidas que possam prevenir e reduzir o risco de complicações devem ser amplamente implementadas. 

o que sabemos sobre a gripe 1
A VACINA CONTRA A GRIPE E EFICAZ 2

A VACINA CONTRA A GRIPE É EFICAZ?

A eficácia da vacina da gripe é influenciada por vários fatores individuais, como:  

•   A idade;  

•   A presença de doenças crónicas;  

•   A função imunitária.  

Adicionalmente, a capacidade de os vírus em circulação sofrerem mutações e escaparem à imunidade desenvolvida na sequência da vacinação é também algo que pode reduzir a eficácia da vacina e de forma imprevisível.  

Por esse motivo, fazer a vacina da gripe não dá garantia de que a doença não se desenvolva.  

Apesar disso, o benefício da vacinação é inquestionável! 

Em média, a vacina da gripe reduz o risco de ter gripe em cerca de 60%! 

A VACINA CONTRA A GRIPE É EFICAZ 3

Nas pessoas vacinadas que ainda assim têm gripe: 

•   O risco de complicações é inferior; 

•   A necessidade de internamento é inferior;  

•   O risco de mortalidade é inferior, estima-se que em cerca de 30%. 

A VACINA CONTRA A GRIPE É SEGURA?

A vacina da gripe tem sido amplamente testada e o risco de efeitos secundários significativos é negligenciável.  

As principais complicações da vacina são reações locais na zona de administração e com um risco, muito baixo, podem ocorrer reações alérgicas sistémicas. 

vacina segura

E NAS PESSOAS COM DOENÇA CARDIOVASCULAR, A VACINA TAMBÉM É EFICAZ E SEGURA??

As dúvidas sobre a administração da vacina da gripe em pessoas que estão em risco ou sofrem de doenças cardíacas é talvez um dos maiores mitos que existem!  

 

•   De uma forma geral, os benefícios da vacina são sempre superiores, quando existem doenças crónicas associadas, quer sejam do foro cardíaco ou não. 

 

 Relativamente à eficácia da vacina, na presença de doença cardiovascular, os resultados dos estudos são hoje inquestionáveis e revelam que: 

•   A vacinação contra a gripe em doentes com patologia cardiovascular estabelecida, reduz o risco de mortalidade em 25% e o risco de eventos cardíacos em 13%;  

•   Em doentes que tiveram um enfarte agudo do miocárdio recente, verificou-se que a administração da vacina contra a gripe reduziu em 41% o risco de mortalidade nos 12 meses após a sua administração; 

 

Em todos os estudos que avaliaram a eficácia da vacina em doentes com doença cardíaca prévia, não foi identificado um maior risco de efeitos secundários.

•   Assim, também nas pessoas com doenças cardiovasculares, a vacina da gripe é considerada segura. 

pESSOAS COM DOENÇA CARDIOVASCULAR A VACINA TAMBEM É EFICAZ E SEGURA?

EM RESUMO...

A gripe pode ter complicações potencialmente fatais, sendo este risco significativamente superior nas pessoas que têm doenças crónicas, nomeadamente doença cardiovascular, qualquer que ela seja! 

A vacina reduz o risco de desenvolver gripe e mesmo quando esta ocorre, o risco de complicações é menor!  

Adicionalmente, se a vacinação contra a gripe for feita anualmente, em particular nas pessoas mais susceptíveis, a probabilidade de morte ou de eventos cardiovasculares é significativamente menor quando a vacina é administrada! 

Por esse motivo não resta nenhuma dúvida: se tem doença cardiovascular não perca a oportunidade de fazer a vacina da gripe! As principais complicações da vacina são reações locais na zona de administração e com um risco, muito baixo, podem ocorrer reações alérgicas sistémicas. 

em resumo

Referências:

1. Demicheli V, et al.Vaccines for preventing influenza in healthy adults. Cochrane Database Syst Rev. 2018;2(2):CD001269.

2.  European Centre for Disease Prevention and Control. Factsheet about seasonal influenza.

3. Fröbert O, et al. Influenza vaccination after myocardial infarction: a randomized, double-blind, placebo-controlled, multicenter trial. Circulation 2021;144:1476-84.

4. Grohskopf LA, et al. Prevention and control of seasonal influenza with vaccines: recommendations of the advisory committee on immunization practices United States, 2022-23 Influenza Season. MMWR Recomm Rep 2022;71:1-28..

5.  Yedlapati SH, et al. Effects of influenza vaccine on mortality and cardiovascular outcomes in patients with cardiovascular disease: a systematic review and meta-analysis – J Am Heart Assoc 2021;10:e019636.

FAÇA O SEU REGISTO E NÃO PERCA AS NOVIDADES

Assine a newsletter e receba mensalmente sugestões de artigos e insights dos especialistas do Cardio da Vida!
Caso não encontre o nosso email, por favor, verifique a sua caixa de spam ou de lixo eletrónico.