Cardio da Vida
Procurar
Close this search box.
Procurar
Close this search box.

BEBER CAFÉ DÁ
MAIS ANOS DE VIDA?

Artigo de José Ferreira Santos - Cardiologista
28 jul 2022

O consumo regular de café em quantidades moderadas está associado a um menor risco de mortalidade. Esta é a conclusão de um estudo recentemente publicado numa revista científica.

Investigadores avaliaram 171.616 pessoas incluídas no bio banco do Reino Unido e estudaram a associação entre o consumo de café e o risco de mortalidade. Os indivíduos responderam a um questionário onde se avaliaram os hábitos de consumo de café, tendo sido divididos em 3 grupos:

Grupo 1

55% dos participantes
bebiam café sem qualquer açúcar/adoçante

Grupo 2

14% dos participantes
bebiam café com açúcar

Grupo 3

6% dos participantes
bebiam café com adoçante

Grupo 4

25% dos participantes
não bebiam café

A população do estudo foi seguida durante 7 anos e os principais resultados foram:

• Os indivíduos que bebiam café regularmente tiveram um risco de mortalidade 30% inferior, quando comparados com os que não bebiam café;

• A redução do risco de morte foi máxima nos indivíduos que bebiam 2-4 chávenas de café por dia;

O benefício manteve-se independentemente do tipo de café, incluindo descafeinado;

Os indivíduos que bebiam café com açúcar mantiveram o benefício, o que não se verificou no grupo que consumia café com adoçante

Este não é o primeiro estudo a relacionar o consumo regular de café com o risco de mortalidade. No entanto, é um estudo prospetivo, em que a população foi seguida durante 7 anos e o consumo de café foi ajustado a outras características e fatores de risco individuais.

As conclusões deste estudo reforçam a ideia de que o consumo regular de café, em quantidades moderadas, poderá estar associado a um menor risco de desenvolver doenças cardiovasculares, cancro e de morte.

Artigo de José Ferreira Santos - Cardiologista

Como médico, recomendo frequentemente aos meus doentes que mudem o seu estilo de vida para minimizar o risco ou controlar a sua doença cardíaca. Acredito que ter conhecimento significa ter o poder para fazermos melhores escolhas. As escolhas certas para termos uma vida longa, com mais energia e feliz. É essa a minha motivação pessoal!

MAIS ARTIGOS DO SEU INTERESSE:

FAÇA O SEU REGISTO E NÃO PERCA AS NOVIDADES

Assine a newsletter e receba mensalmente sugestões de artigos e insights dos especialistas do Cardio da Vida!
Caso não encontre o nosso email, por favor, verifique a sua caixa de spam ou de lixo eletrónico.